Live

Open Banking Week Global 2021

O desenvolvimento tecnológico exigiu das agências financeiras ou bancos a renovação de suas operações como uma condição indispensável para que se mantenham competitivas no mercado. Uma delas diz respeito a forma como a organização gerencia os seus dados.

Hoje, solicita-se que as empresas invistam em uma cultura de dados participativa e eficiente, capaz de fazer com que elas alcancem os seus objetivos de maneira mais ágil.

Para saber o que é cultura de dados, bem como como aplicá-la em sua estrutura financeira, continue a leitura. Também apresentamos as suas principais vantagens.

 

O que é cultura de dados?

De acordo com a Gartner, podemos compreender a cultura de dados como o processo pelo qual se busca desenvolver uma cultura de dados que integre ou englobe toda a operação de uma empresa, ou seja, todos os seus departamentos ou setores.

A cultura de dados busca garantir a integração de uma empresa a partir dos dados que ela produz diariamente, à medida que desenvolve suas operações, como realizar compras de produtos ou vender serviços ou mercadorias. Esses dados são unificados para garantir uma série de benefícios a uma agência financeira, dentre eles a otimização dos processos.

 

Como aplicar a cultura de dados em sua estrutura financeira?

Na ótica da Gartner, para aplicar a cultura de dados é preciso mais do que apenas adotar uma tecnologia de gestão que seja capaz de englobar toda a operação de uma empresa. É preciso que os projetos de uso dos dados estimulem um ambiente colaborativo, no qual as pessoas se sintam livres para participar do processo de avaliar e transmitir os dados, agregando valor útil a eles.

Alguns especialistas definem cinco passos para implantar a cultura de dados em uma empresa financeira, a saber:

  1. Criar uma cadeia de fornecimentos de dados para uma empresa;
  2. Criar modelos de gestão em relação aos dados;
  3. Criar um sistema de organização e seleção de dados;
  4. Qualificar a equipe para gerir adequadamente os dados;
  5. Utilizar os dados de forma estratégica em prol do desenvolvimento da empresa.

 

Vantagens da cultura de dados em uma empresa

A cultura de dados propicia a uma empresa financeira diversas vantagens. A seguir, apresentamos as principais:

  • Integração dos dados, de maneira a fazer com que o gestor seja capaz de apreciá-los de maneira holística;
  • Melhor apuração ou coleta e organização dos dados;
  • Ambiente colaborativo, que estimule a participação dos funcionários em relação à coleta e uso dos dados;
  • Maior poder de decisão, considerando que os dados podem ser consultados com agilidade para garantir a decisão no tempo certo e de maneira consistente;
  • Otimização em relação às operações, de modo geral, o que pode fazer com que a empresa financeira se torne mais eficiente e produtiva.

Como vimos, a cultura de dados é algo fundamental em uma empresa financeira, pois garante que ela seja mais eficiente, produtiva e competitiva.

Ficou alguma dúvida? Em caso de resposta positiva, não deixe de entrar em contato conosco.

Inscreva-se em
nossa newsletter!

Aqui você encontra as novidades e as tendências dos mercados de tecnologia e financeiro. Cadastre-se!






Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, desempenho e personalizar o conteúdo do site.
Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade