Live

Open Banking Week Global 2021

A expressão “Navegar é preciso”, imortalizada por Fernando Pessoa por resumir uma das grandes necessidades do ser humano no passado pode ser reajustada no contexto do mundo corporativo dos nossos dias para “Inovar é preciso”. De fato, não resta dúvida sobre a exigência atual de oferecer novos produtos e serviços com objetivo de proporcionar experiências cada vez mais impactantes aos clientes. Mas, ao se conscientizarem desta exigência, muitas companhias acabam entrando num verdadeiro dilema: Qual a melhor forma de inovar diante de tantas possibilidades?

Os participantes do webinar: “Transformação Digital em meio à crise: Como impulsionar a inovação dentro da sua empresa?” apresentaram os três principais caminhos para chegar a este objetivo. O evento contou com a participação do head de aceleração da Darwin Startup, Murilo Domingos, do head de estratégia de marketing e inovação da Zurich, Rodrigo Barros e da diretora de operações serviços de TI e Consultoria Torq na Sinqia, Karine Nogueira. Eles tiveram a coordenação do Diretor de Marketing e Inovação da Sinqia, Leo Monte.

Segundo eles, as principais formas de inovação são as seguintes:

1- Desenvolvimento interno: exige a construção de processos criativos baseados na própria estrutura das empresas e no potencial de seus times. Geralmente resultam em aplicações de médio e longo prazo.

2- Aquisição: permite acelerar o ciclo de criação ao incorporar ideias de outras empresas (statups, por exemplo), mas apresenta o desafio de absorver a cultura de outra companhia.

3- Parceria com startups: oferece a velocidade da utilização de novas soluções já desenvolvidas mantendo a independência entre as empresas envolvidas.

Níveis de inovação desejados definem os melhores caminhos

Os participantes do webinar ressaltaram que ao analisar cada um desses caminhos é necessário avaliar suas potencialidades de acordo com níveis de inovação que se pretende implementar. São eles:

1 – Inovação incrementalComo é possível fazer melhor aquilo que a empresa já produz? Essa resposta pode ser obtida com uma observação atenta à jornada do cliente aliada a uma interação eficiente que revele seu sentimento em relação à experiência.

2- Agregação de valor – De que maneira é possível tornar mais rentável o core businesse da companhia? Para isso é necessário sair da zona de conforto. Pensar e testar variações no modelo de negócios.

3 – Proteção contra a disrupção – Como eu posso estar um passo à frente daquilo que pode me vencer o futuro? É fundamental a conexão com o ecossistema de inovação buscando conhecimento sobre as novas tecnologias e projetando de que forma as tendências futuras podem impactar as regras atuais.

Com todos estes aspectos avaliados, é possível entender junto com os parceiros em que estágio cada organização se encontra e qual caminho é o mais adequado em cada momento.

De qualquer forma, uma opinião foi unânime: não existe uma receita pronta que sirva para todas as ocasiões. Não é porque uma empresa fez de um jeito e conseguiu um bom resultado que isto vai se repetir em todas.

Inovação requer conhecimento, habilidade e experiência. Tudo isso está à disposição de sua empresa na Sinqia. A companhia e seu hub de inovação, Torq, oferecem estrutura e profissionais conectados com todas as mais modernas tecnologias e tendências. Entre em contato e vamos encontrar juntos os melhores caminhos: https://bit.ly/3iHOmrl

 

Inscreva-se em
nossa newsletter!

Aqui você encontra as novidades e as tendências dos mercados de tecnologia e financeiro. Cadastre-se!






Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação, desempenho e personalizar o conteúdo do site.
Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade